terça-feira, abril 1

Mosaico

Mosaico é o nome da editora e foi uma das descobertas mais curiosas da nossa última viagem pelos alfarrabistas. A colecção chama-se "Pequena Antologia de Obras Primas"e o nome "pequena" refere-se só mesmo ao formato dos livros (uma espécie de pequenos fascículos), porque a colecção é extensa. São pequenas novelas ou contos de vários autores - Machado de Assis, Selma Lagerlöf, Vladimiro Korolenko, Blasco Ibañez, entre muitos outros - e, começa da melhor forma com Camilo Castelo Branco, o nº 1 da colecção ("O Cego de Landim").
As capas de Bernardo Marques são lindíssimas e é caso para dizer "já não se fazem livros assim".


Débora Figueiredo.

Um comentário:

nat disse...

Sao de facto uma preciosidade