sexta-feira, maio 2

Frase fora do contexto


Todos nós sabemos de como uma frase fora do contexto pode assumir um significado completamente diferente do pretendido. Principalmente quando uma dessas frases é retirada por uma mulher.
Recentemente fui a Londres a pretexto da Feira do Livro. Nos intervalos do trabalho aproveito sempre para passear um pouco pela cidade. Num desses passeios, ali para os lados de Leicester, eu e um colega conversávamos sobre uma característica engraçada daquela zona da cidade: a existência de homens no meio da rua agarrados ao pau (salvo seja). Isto é, uma das formas de publicitar as agências de venda de bilhetes para os muitos teatros e espectáculos que se realizam em Londres é ter um ou mais homens, no meio da multidão que passa, exibindo cartazes com a indicação do local onde poderemos adquirir os ingressos. O meu colega falava-me de como seria difícil ter um emprego destes, já que os desgraçados estão ali um bom par de horas em pé, a segurar o cartaz, sob as intempéries climáticas de Londres. Um pouco mais adiante, duas colegas que nos acompanhavam no passeio e alheadas como sempre das conversas dos homens, ouvem a seguinte frase solta: Olha! Aquele tipo é esperto, tem o pau atado à cerca. As duas em uníssono e com uma expressão perplexa, exclamam: O pau o quê…!?
---
Jaime Bulhosa

3 comentários:

nat disse...

Porque a frase "principalmente quando uma dessas frases é retirada por uma mulher"? Desnecessário dizer tal coisa, soa a discriminacao, a preconceito. Até é um pequeno texto curioso, uma situacao pela qual todos já passámos. Quando os outros ouvem apenas parcialmente o que dissémos e interpretam a frase fora do contexto. Isto já me aconteceu com ambos os sexos. Por isso, deixemos a frase "principalmente..." de fora e falemos de factos que acontecem a pessoas e com pessoas. Acrescento que "duas colegas(...) alheadas como sempre das conversas dos homens" pode até ser verdade no caso dessas suas colegas. Mas o "como sempre" soa novamente a preconceito. Cuidado com as palavras...afinal isto é um blog relacionado com livros ;-)
Felicitacoes e continuem o bom trabalho :-)

PS: peco desculpa por alguns erros de escrita, uso um teclado nao portugues.

Pó dos Livros disse...

Tem toda razão quando diz que soa a discriminação, era precisamente essa a intenção do texto. Devo no entanto esclarecer que não reflecte de todo o que eu penso. O post em causa não pretende ser um artigo de opinião é apenas um relato de um acontecimento num contexto de boa disposição e brincadeira entre amigos. Obrigado na mesma pela chamada de atenção:)

nat disse...
Este comentário foi removido pelo autor.