terça-feira, dezembro 16

O acaso



«Só anos mais tarde Tommy Thompson tomou consciência da sorte que teve naquele dia. E não foi pelo facto de a aterragem ter corrido bem. Sempre pensara que a sua colocação em Malta seria temporária e depois seguiria para o Cairo. “Nenhum de nós sabia as perdas terríveis que os esquadrões de Blenheims em Malta estavam a sofrer. Nem sabíamos que o comandante das forças da ilha, para colmatar as baixas que sofria, impedia todas as tripulações de seguir para o Cairo. Se tivesse chegado a Malta em vez de aterrar em Portugal, não sei se estaria aqui para contar a minha história.”»

Não sabe quem é Tommy Thompson? Nem eu saberia, não fosse o caso e o acaso deste senhor ter entrado na Pó dos livros a falar em inglês e a fazer questão de assinar a sua fotografia, num livro que se encontrava na montra. Facto que só aconteceu porque o jantar organizado pela editora Pedra da Lua, a propósito do livro “Aterrem em Portugal!”, de Carlos Guerreiro, se ter realizado nesta zona das Avenidas Novas.

Tommy Thompson é ainda um dos poucos sobreviventes da Segunda Grande Guerra Mundial. Sargento-aviador da Royal Air Force é um dos protagonistas do livro “Aterrem em Portugal!”. Ponto de passagem obrigatório nas rotas de ligação entre o Reino Unido e os restantes teatros de guerra, Portugal viu-se no centro de uma intensa actividade aérea. Por aqui passaram mais de quinhentos tripulantes de aviões americanos, belgas, franceses, britânicos e alemães. Este livro conta parte desta história através de relatos na primeira pessoa ou através de documentos de vários arquivos nacionais e internacionais.

--
Jaime Bulhosa




Edição: Pedra da Lua
1.ª Edição: Novembro 2008
ISBN: 978-989-8142-21-4
N.º Páginas: 317
PVP: 27.00€

Um comentário:

{anita} disse...

Esse acaso com o Tommy Thompson parece uma história à Paul Auster ;)