segunda-feira, março 25

Como tornar-se um leitor em 10 passos.


1.º – Escolha uma data para começar a ler e respeite-a.

2.º – Evite começar por livros considerados literatura light, pois embora o nome seja encorajador não reflecte de todo a realidade e pode destruir a melhor das intenções.

3.º – Livre-se de todos os telemóveis, ipad,  playstation, dvd e afins que tenha por perto.

4.º – Depois de começar a ler não pode parar sem, pelo menos, chegar ao fim do primeiro capítulo; deixá-lo a meio aumenta consideravelmente o risco de desistir antes mesmo de ter começado.

5.º – Para se auto-motivar, pense, muitas vezes, em todos os benefícios da leitura.

6.º – Evite a proximidade de pessoas que estão a bocejar e deitadas no sofá a ver os programas de televisão que passam em horário nobre.

7.º – Peça ajuda a um profissional - pode ser um livreiro, um editor, um professor, etc. – ou participe em fóruns e blogues da especialidade. Estas comunidades de leitores ajudá-lo-ão a integrar-se mais facilmente na sua nova realidade.

8.º – Mude de hábitos, a fim de evitar locais onde possa conviver com pessoas completamente desinteressantes.

9.º – Não faça pausas muito grandes e complemente-as com a leitura de um jornal, revista, de banda desenhada ou de uma história infantil.

10.º – Parabéns. Se chegou até aqui é porque já é quase um leitor. No entanto, evite os entusiasmos exagerados, como, por exemplo, passar a considerar-se um intelectual.
--
Boas leituras

10 comentários:

moriana disse...

:))

La Sorcière disse...

Olá! Seu post de como tornar-se um leitor em 10 passos é ótimo!
Sou uma apaixonada por livros e concordo com quase todos os itens que você citou, tais como desligar a televisão e outros "barulhos" para realmente mergulhar na leitura! Um abraço!

Moura Aveirense disse...

hehe Cómico!

Letra pequena disse...

Muito divertido. Obrigada pela gargalhada que não consegui conter.

Rita Pimenta

Sabichão disse...

Gostámos imenso desta lista :-)
Por isso, resolvemos colocá-la no nosso blogue.
Obrigado e continuação de excelente trabalho!

Biblioteca Escolar Vilarinho do Bairro

Sónia disse...

Muito bom :)

Anônimo disse...

Eu acho ao contrário. Quem, para ler, tiver de se munir de todas essas defesas, é porque, na verdade, não quer ler. E, logo, ainda que comece a ler, muito rapidamente abandonará essa prática. Eu recomendaria o contrário: ler é algo que se deve fazer sempre, em todas as oportunidades, no meio de toga a gente. Enquanto os outros vêem futebol ou novela, aproveite que eles não estão a falar consigo e leia. Por outro lado, a leitura não tem que excluir as outras actividades. Eu leio, e vejo futebol, e converso com amigos e faço mais um monte de coisas. Isso é como as doenças e os vícios: não se pode ajudar a quem não queira ser ajudado. Do mesmo modo, não há conselhos (e passos) que valham a quem não quer ler. E quem quer ler, não precisa de nenhum desses passos - só precisa de livros.
Carlos

Fernando Frazão disse...

Apenas uma adenda e uma...emenda;
Acrescentem ao ponto 2 que, se o light não é bom, também começar pelo Delillo, Roth, MacCarthy, Bellow ou Lobo Antunes não augura grande futuro.
No ponto 3, oh Jaime, o plural em inglês não leva apóstrofo e, potanto, são IPads Playstations e DVDs. Já agora são DVD porque em português os acrónimos não têm plural.
O resto é uma boa check-list.
Pedindo desculpa pelo atrevimento, continuem o bom trabalho.
Abraço a toda a equipa da Pó dos Livros.

Pó dos Livros disse...

«Começar por Delillo, Roth, MacCarthy, Bellow ou Lobo Antunes, não augura grande futuro» :)

Obrigado pela correcção.

Pedro Carneiro disse...

Curiosamente eu que tenho o vício de ler o que quer dizer que 'saiba' ler, comecei pelos livros de cowboys, tio patinhas, etc. e depois então lá para os 13 ou 14 anos enfiaram-me o "Capitães de Areia" que eu ainda hoje me recordo do sabor que me deu. Delicioso! Ah, sim, e também podem começar pela poesia, não?...