sexta-feira, junho 11

Dentro dos livros


Ao folhear um livro antigo encontrei entre as suas folhas um pequeno recorte de jornal. O artigo dava conta dos festejos de uma senhora idosa, da freguesia de Santa Madalena, concelho de Tomar. Em destaque, estava a seguinte frase:

Se chegar a ser velha, não quero ir para um lar.

Maria de Jesus no dia do seu 100.º aniversário.

Nota: Numa rápida pesquisa descobri que Maria de Jesus morreu com 115 anos de idade e era na altura a mulher mais velha do mundo.

Jaime Bulhosa

2 comentários:

Rui Pedro Lérias disse...

Souberam ir buscá-la de limusine para ir à Expo mas teve que sobreviver com 370€ mensais apesar de ser a mulher mais velha do mundo.

Estamos a falar de Portugal, sem sombra de dúvida. Alguém devia pôr o país a Ritalina para o Transtorno do Déficit de Atenção.

Tatiana Carlotti disse...

Ah... Essa é a delícia de livros de sebo... Encontrei em um livro, um dos volumes da Comédia Humana, uma tabelinha de pontos de um jogo, provavelmente de baralho. Apenas um "Ele e Ela", os pontos de cada um e abaixo escrito "a bordo do Augustus" 03/12/58... Não consigo abrir esse livro sem sentir o cheiro do mar e compor toda a cena... Detalhe: "Ela" ganhou o jogo! Abraços! Tati