quarta-feira, junho 16

Dostoiévski, Andréev, Tolstói


A minuciosa burocracia, exaltada satiricamente, é o tema essencial da inacabada fantasia de O Crocodilo de Dostoiévski. Prefigurando Kafka, a situação gira sobre si mesma e vai revelando os caracteres. Pode ser considerada arbitrária a vizinhança, neste volume, de Andréev e de Dostoiévski. Deveria no entanto observar-se que os dois coincidem no ímpeto patético e na desconsolada visão de um mundo hostil. O Lázaro de Andréev, depois de passar pela morte, sente que aqui na terra tudo é inconsistente. e no seu olhar atroz parece estar escrito o fim. Nos dois textos precedentes, o elemento fantástico é claro desde o princípio. Em A Morte de Ivan Illitch, de Lev Tolstói, a revelação sobrenatural chega, inevitável e surpreendente, como a última experiência de uma alma.


Jorge Luis Borges


edição: Editorial Presença
título: Dostoiévski. Andréev, Toltói
autor: A.A.V.V.
tradução: Editorial Presença
formato: 12x22,5cm
n.ºpág.: 189
isbn:9789722343817
pvp: 13.80€

Nenhum comentário: